sexta-feira, 4 de janeiro de 2008

Recomeçar?!

"Recomeça...
Se puderes,
Sem angústia e sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro,
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto, queiras só metade."

Miguel Torga, Diário XIII

2 comentários:

Baby Blue Eyes disse...

Este é um poema que me dedicaram numa altura muito crítica da minha vida. Como tal, será eternamente especial e reportar-me-á ao que fui podendo assim comparar com o que sou, depois desse longíquo recomeço. Espero que me desperte eternamente este sorriso que hoje esbocei quando o encontrei aqui.

Lyra disse...

Acho que este é daqueles poemas que "encaixa" em sítuações da vida e pessoas muito diversas, sendo premiável a estados de espirito.
Que te faça, pois, sorrir sempre e ter muita muita força!