sexta-feira, 6 de junho de 2008

Oceano Fractal


De repente nada à minha volta tem solidez, nada mais tem consistência, eu já não posso falar de coisa alguma como sendo real. Experiência sensorial muito diferente de tudo o que já vivi. Não é a calma ou o alvoroço, não é a fragmentação ou a unidade, não é a serenidade ou a angústia, não são trevas nem luzes, não é o vazio ou o cheio. De repente é o oceano, um oceano fractal, as ondas são formas geométricas, ângulos enormes que se erguem sobre mim e que reflectem e multiplicam as imagens como espelhos. Eu vejo-me por toda parte, aos pedaços, deformada, a pensar, a gritar, a rir, a chorar, fustigada pela ideia insana de que eu já não sei quem sou. E então descubro que o vazio também não existe. E que no lugar dele existo eu. E então vejo que o oceano também não existe. E que no lugar dele existem os outros..., outras …coisas…inenarráveis… É a viagem mais perigosa e mais dolorosa que já empreendi pelos caminhos da minha imaginação. Nunca senti tanto medo, tanta angústia e tanta confusão em toda a minha vida. E de repente passa (será ?!), como uma onda, uma onda das grandes, agora só ouiço o ruído distante dela quebrando-se na beira da praia. Estou ainda em alto-mar? Sim, é aqui que eu vivo e é para o infinito (seja ele o que for) que me dirijo.

57 comentários:

EDUARDO disse...

"Não é a calma ou o alvoroço, não é a fragmentação ou a unidade, não é a serenidade ou a angústia, não são trevas nem luzes, não é o vazio ou o cheio"

profundamente sublime!!!!


PARADOXOS

Noslen ed azuos disse...

Grande viaje, muito pessoal, é uma pena, senão compraria agora mesmo uma passagem para o encontro, é encontro de nós mesmo.

Eu te bjs
NS

Angel of Light disse...

O que se passa querida? Tem calma e mantem-te, dentro do possível, serena. Tens, penso eu, um grande desafio à tua frente, uma oportunidade de aprendizagem. Tenta ver o lado bom... Por vezes é difícil, mas há sempre algo de positivo para se retirar dos momentos mais agitados.

Se precisares de alguma coisa, sabes onde estou. Se precisares de falar, tens o meu e-mail à tua disposição.

Termino com umas palavras de Paulo Coelho:
«O Guerreiro da Luz dá um passo em falso e mergulha no abismo. Envolto pela escuridão, comunica com o seu mestre: "Mestre, caí no abismo", diz. "As águas são fundas e escuras".
"Lembra-te de uma coisa", responde o Mestre."O que afoga alguém não é o mergulho, mas o facto de permanecer debaixo de água".
E o guerreiro usa as suas forças para sair da situação em que se encontra.»

Fica bem querida e força!

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!

pin gente disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pin gente disse...

um dia sorrimos do medo que de nós se opoderou
foi real e passou
a viagem no interior é a mais longa e a mais dolorosa
se verdadeira, se consciente...
abraça-se a vida sabendo ou não das suas traições
beija-se a existência porque é una, por muito que acreditemos no além
e será esse o beijo de judas?
temos que aprender novamente a respirar
fazer a purga das nossas memórias e das nossas histórias


um abraço longo, leve e terno
luísa

ps - as ausências são necessárias a todos

jasmimdomeuquintal disse...

Querida Lyra
Sei como te sentes; vivi isso intensamente - idependentemente do motivo a sensação é essa - depois a luz parece ter voltado, de novo as tevas e agora estou dormente. Às vezes sinto-me como a minha mãe que nos ultimos tempos da sua vida esqueceu-se de quem era, de tudo...
Depois vinham os laivos de lucidez e chorava, chorava pelo que não conseguiu ser e pelo que se tinha transformado. Ali fica eu olhando, sem saber se a desejava a fazer disparates como uma criança grisalha ou os momentos de lucidez menos humilhantes mas mais dilacerantes...
Assim, me sinto eu. Por isso compreendo a tua dor o teu sentir.
Volta quando quiseres...
Um bj...

jasmimdomeuquintal disse...

Não te esqueças, que esse é apenas m momento doloroso que passará. Saírás diferente, mas mais forte.
Força e poderás usar o meu e-mail caso necessites.

Å®t Øf £övë disse...

Lyra,
Nada é definitivo, e por isso as fases más pelas quais passamos na vida, só nos ajudam a ganhar maturidade e experiência para enfrentarmos as surpresas que a vida nos reserva no futuro. É verdade que muitas vezes os opostos se tocam, mas há sempre um momento, que normalmente acontece quando menos esperamos, em que o equilibrio surge.
Bjs.

Hanah disse...

Querida Lyra
(também ando por esses desertos)


O caminho do meio é sempre o melhor, pois ele não nos tira nada...


Fica na Paz

Namastê

Hanah disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fernando disse...

Talvez as histórias devam começar por "Era uma vez...", talvez porque o amor seja o tema que mais tem inspirado os poetas, talvez estes textos sirvam para relembrar as minhas pequenas histórias.

è uma história de amor o que o meu blog vos conta, não começa por "Era uma vez...", talvez porque a distância entre o contado e o sentido, por mim e pelo leitor, não seja para sentida como se, de tão logínqua, não tivesse nada a ver connvosco.

Estou convencido que o encantamento da poesia reside precisamente nessa possibilidade que nos oferece o poema de nos identificarmos com o "sentido", de nos encontrarmos "ditos" nas palavras de quem escreve, dotado pela magia intemporal de traduzir em palavras, em imagens, as emoções e os sentimentos que fazem parte da natureza humana.

A minha história, não é diferente de tantas outras.

Gosto de te ler e compreendo muito bem o que sentes.

Deixo-te um beijo
Fernando

Hanah disse...

Queria te indicar o blog de um amigo...

http://om-lumen.blogspot.com/

bjos

Rafeiro Perfumado disse...

Vai uma grande tempestade nessa cabeça, Lyra, espero que encontres um porto seguro em breve.

Pena disse...

Linda Amiga:
Um texto profundo e belíssimo do seu sentir.
Real. Vivo. Presente nas emoções belas e fantásticas de imensa criatividade e genialidade que vive em si.
O que se passa, não sei.
Só sei que gostei pela admirável consistência das palavras de sublime encanto e sentido poder literário.
Beijinhos amigos de estima, veneração porque merece e imenso respeito pelo que significa.

pena

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Não precisa pedir desculpas, que nada. Mas eu venho pedir-lhe um favor que estou pedindo a todos. Desculpe-me, mas tive de fazer um novo post hj, tão perto do anterior, porque essas resenhas serão publicadas pela USP dentro em breve, então tenho que correr. Peço a sua compreensão e que vc ponha um comentário, caso contrário não haverá publicação.
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,
RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO

CATARINA POETA disse...

Fragmentar-se faz parte da descoberta de cada um num dado momento. O difícil e saber a causa da fragmentacao. Mas, quando a entendemos, vemos que essencialmente, existimos, somos nos mesmas porque caso nao existiria a tal fragmentacao. Voce esta ao teu alcance, a um passo de si mesma, a um toque do teu ser. E so agarrar-te com firmeza para deixar-te cair. Beijo.

Multiolhares disse...

Quando se entra na procura interior muito se descobre.
O problema é que não estamos preparados para o que se descobre,
Por ser diferente do que estamos habituados,
O medo surge e com ele o desconforto e o nos
Sentirmos perdidos de não sabermos quem somos e não sabermos interpretar o que estamos a ver, temos de aceitar que nada sabemos “ só sei que nada sei” tentar não pensar muito sobre o que ainda não entendemos e deixar as coisas fluírem com calma,
Aos poucos faz-se luz, o nosso mundo é ilusório
Espero que estejas bem
Beijinhos de luz

instantes e momentos disse...

Bonito, forte, incisivo.
Muito bom parabens
Maurizio

O Profeta disse...

Esta brisa da tarde
Afaga as folhas com invisível mão
Arrasta consigo os sonhos perdidos
Soltos do encanto da real paixão


Bom fim de semana


Doce beijo

DE-PROPOSITO disse...

E então vejo que o oceano também não existe.
----------
É tudo uma questão de palavras. O existir ou não existir. E quanto ao oceano, pode ser um oceano de felicidade.
Fica bem.
Felicidades.

Menina do Rio disse...

Quando somos arrebatados por uma onda gigante, resta deixar-nos levar por ela, pois as ondas sempre se movem em direção à uma praia...

Mantém a calma e se precisares de um ombro amigo, estou aqui

Um beijo

Bandys disse...

Lyra querida,

Amigo, não permitas que a tristeza te domines; mas, se te sentes dominado, ergue-te de novo.
Ainda que o teu sonho seja desfeito, tens o direito de sonhar de novo.
Imagina que em ti ainda resta a grandiosa energia.
Para aquele que sonha, este mundo é sempre um novo mundo.

Amigo, não te permitas cair, mas, se caíres, levanta-te de novo.

Ainda que percas a confiança, ainda que fracasses naquilo que tentas, não te permitas cair totalmente.
O sonho é o viveiro da esperança.
No imenso viveiro do sonho nascem tenros rebentos de esperanças, e os brotos crescem alimentados pelo sonho.
sonho é viveiro da esperança.

Crystal disse...

um texto de prender a respiração! Li tudo de um só trago-nem sempre o faço porque nem todos os textos me prendem assim...Espectáculo!

Bj para ti, cheio

Poeta Mauro Rocha disse...

Obrigado pela visita, não se preoculpe a vida tem dessas coisas e outras também, mas quando você vier a tona e tudo tiver resolvido, sim, você vai rir de tudo isso e lembrar que o segredo da vida é viver.

Um abraço!!

MAURO ROCHA

Poeta Mauro Rocha disse...

Lembrei-me de uma sitação de Clarice lispector:

E umas das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de. Apesar de, se deve comer. Apesar de, se deve amar. Apesar de, se deve morrer. Inclusive muitas vezes é o próprio apesar de que nos empurra para frente. Foi o apesar de que me deu uma angústia que insatisfeita foi criadora de minha própria vida."

Clarice Lispector

Livro: Uma aprendizagem ou livro dos prazeres

A vida é a vida.

Um abraço!!

MAURO ROCHA

Eärwen Tulcakelumë disse...

É preciso continuar, enfrentar o oceano, manter a fé!

Pérolas incandescentes de força e luz.

Eärwen

Thania disse...

Olá!

Gostei muito do Blog e linkei. Visite meu blog...
http://arteimitaavida.blogspot.com/

Camilla disse...

Talvez porque agora vc esteja percebendo que o mundo é muito grande e muito incopreensível para nossa humilde percepção. E talvez porque agora você esteja se descobrindo. Perder-se também é uma forma de achar-se. Quando me perco é porque sinto que o mundo é grande, os sentimentos são múltiplos, e eu não sou nada perante a grandiosidade do universo.

Linda a essência do seu texto. Realmente, amei!

M@ri@ disse...

Minha linda e doce amiga
Quanta duvida existe nesse teu lindo coração!
Tu és um ser maravilhoso com um coração cheio de amor...
Amiga vim dizer te que a operação correu bem embora ainda tenha dores.
Mas as saudades dos amigos é bem maior.
Deixo te um beijo doce
M@ri@

kakauzinha disse...

Querida Lyra,

Há sempre alturas da nossa vida em que nos sentimos todos assim, parece que para cada lado que nos viramos há sempre um beco sem saída. Na verdade não é, há sempre uma solução. Mas eu sei como tudo nos dói e precisamos de tempo para sarar feridas, sanar problemas, se fosse tudo fácil ninguém estaria triste.

(Curiosamente, já usei essa foto para um post para as praxes académicas, no sentido em que ficamos presos por vezes a tudo o que nos faz mal.)

Espero que resolvas tudo como desejas e que em breve possas voltar a sorrir, muita força!

Um beijinho carinhoso e muito azul*

Ignota disse...

Quantas vezes nos sentimos no meio de qualquer coisa, que não é nada, mas também não é coisa alguma?

Também me vejo, por toda a parte, aos pedaços, minha cara.

JPD disse...

Se as frentes são assim tão multiplas, há apenas uma solução: abordar uma de cada vez e progredir.

Beijinho!

Gerlane disse...

As tempestades passam, porém, enquanto estivermos nela, temos que retirar forças de onde for possível, para podermos sobreviver até ela passar. Difícil? Sim, e muito! Impossível? Não!

Cuide-se e, fique bem!

Beijos!

Kênia Garcia disse...

Olá!
Infelizmente, o tempo está sendo curto pra mim e não estou podendo visitar-lhe com a frequencia que gostaria... mas deixo para ti meu carinho.

Beijos!

jasmimdomeuquintal disse...

Vim desejar-te um bom inicio de semana!
Força.

Fernando Rozano disse...

profundo como o mar...passagens brilhantes. belíssimo texto. grande abraço.

aDesenhar disse...

uma viagem num oceano fractal
está sempre recheada de beleza.
:-)

Luis F disse...

Que encontres a calma, a luz do farol para guiar os teus passos e o teu rumo, a força necessária para ultrapassar o monte.

Uma bela narrativa, sublime...

Deixo-te um beijinho para a força na jornada.

Luis

O Profeta disse...

Esta brisa da tarde
Afaga as folhas com invisível mão
Arrasta consigo os sonhos perdidos
Soltos do encanto da real paixão


Boa semana

Doce beijo

Estrela do Sul disse...

O melhor na Amizade...
é que podemos não concordar com tudo,
mas continuamos sempre amigos.

Uma optima semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com

Ravnos_Blacklotus disse...

Após um mês, abro novamente as portas de minha cripta. Convido-lhe para visitá-la novamente, se assim desejar.

Gostei do texto.

Um beijo
@},----

Éverton Vidal disse...

Sao fases da vida, e apesar de 'espinhosas', sao necessárias e importantes, sempre saíamos mais crescidos após elas. Faz parte do caminho para o infinito, para onde todos nos dirigimos.

Bj!
Inté!

Lampejos disse...

Lyra,

Hei!..Vamos transformar esse “Oceano Fatal” em um mar de entendimentos?
Assim, será mais fácil percebermos que, alguns elos podem ser refeitos, sendo somente uma questão de tempo...

Agora vamos encher essa casa de flores tá?..

[querida estamos aí... Pro Que Der E Vier]

........

(a)braços,flores,girassóis :)

Leonor disse...

Lyra

Tudo o que tem um príncipio tem um fim (aprendi esta verdade simples por experi~encia própria, mas já não sei quem teve que ma apontar)

às vezes é bom deixar-mo-nos levar pela corrente. é quase como se ganhássemos as forças das águas

boa semaNA, beijos

prafrente disse...

Crise existencial?
Corra descalça pela praia até que o cansaço do corpo supere a confusão fractal.Oxigena o cérebro e liberta o espírito.
"Ao longo da evolução ,temos sido cercados por fractais,sob a forma do som de uma cascata de água,o sussurrar da vegetação rasteira e os sons do próprio corpo..."David Whitehouse, citado por Larry Dossey

Conte com os amigos...mesmo que sejam virtuais.

Nesta vida nada é eterno.Nem os nossos problemas.

Boa semana

Noslen ed azuos disse...

Quanto pareço perdido eu me encontro nas palavras: que escrevo, ou que o poeta escreve; este poeta tanto pode ser você ou Fernando Pessoa. Quando tudo parece perdido ainda temos ‘Pessoa’.

Bjs e volte sempre.
NS

Angel of Light disse...

Doce guerreira da luz!

Passei para te deixar uma luz de força nesse teu lindo coração!

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

É lindo e doloroso o teu texto, por isso vc está mal. Postei 2 coisas num só post. Vá lá Preciso da sua ajuda. Para publicar as resenhas de filmes que faço aqui. Mas, para tanto, preciso dos comentários. Sem comentários, não há publicação.
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo e o aguardo,
RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO
Ps: Vá se puderm, ok?

Dalaila disse...

vaiagens em tormentos.... passará sim, passará

impulsos disse...

Um momento ímpar no oceano que é a vida...


Belíssimo texto!
Parabéns!

Beijo

Auréola Branca disse...

Já estive nesse oceano, por várias vezes.
Agradeço por isso, pois suas ondas me fazem mais forte, todos os dias.

Abraços...

MARIA MERCEDES disse...

Ou como diria o Buzz LightYear, "Para o Infinito e mais além!"

beijinhos e que se lixe o Mandelbrot

Defensor disse...

Salve,
Todos seremos infinitos, de uma forma ou de outra, pois nossos espíritos viverão após nossa morte. viverão ainda que nas lembranças das pessoas que amamos...
Abraços

lua prateada disse...

O medo é terrivel devemos ter a força de deixá-lo para traz pois se o deixamos apoderar-se de nós nada mais seremos!...regeita-o...
ahh oui....je suis en train de le voir....
Osvaldo diz:
ce un bon groupe....
Osvaldo diz:
il joue tres bien la flute....
(*)...Sol-Cid...(*) Sou a imagem dakilo k sou!!! diz:
oui il est professor de flutte aussi
(*)...Sol-Cid...(*) Sou a imagem dakilo k sou!!! diz:
tu vois tu connnais déjá un de la famille
Osvaldo diz:
ahhhh,...oui....ce lui la va a te convertir en grandmere
Osvaldo diz:
ce malin

Margarida disse...

Passo para desejar um bom fim de semana...

beijinho

Estrela do Sul disse...

Ouvimos falar que amigos...
são presentes de Deus.
Eu não tenho a menor dúvida
dessa realidade.
Em alguns momentos de nossas
vidas uma mensagem de um amigo
cai como bálsamo em nossos corações.
Agradeço a Deus pela sua vida, que hoje
faz parte da minha vida.

Um lindo fim de semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com

Eärwen Tulcakelumë disse...

Meu vôo é especial para pedir uma forma de escrever-te.

Pérolas incandescentess de luz.

Eärwen